Vai pegar a estrada? Veja algumas dicas para dirigir com mais segurança sob neblina

Vai pegar a estrada? Veja algumas dicas para dirigir com segurança sob neblina [Divulgação]

A neblina é um fenômeno causado pelo choque térmico entre massas de ar quente e frio, podendo se formar em minutos. Conhecida também como nevoeiro ou cerração, ocorre com maior frequência em regiões de serra ou próximas ao mar, especialmente no início da manhã e final da tarde.

Nas rodovias, a neblina exige concentração total e maior cuidado de quem está ao volante, sobretudo no período noturno, por causa da impossibilidade de se definir sua intensidade, extensão e variação, elevando os riscos de acidentes.

[Divulgação]
[Divulgação]
Para auxiliar os motoristas nestas situações, UNIVERSO MOTOR reuniu dez dicas para prosseguir viagem de forma mais segura, ou pelo menos até que se encontre algum local apropriado para fazer uma pausa:

  1. Antes de sair de casa faça uma revisão do veículo (pneus, luzes, limpador/lavador do para-brisa) e se informe sobre as condições da rodovia e do tempo;
  1. Ao perceber os primeiros sinais de neblina, reduza gradualmente a velocidade e aumente a distância do veículo à frente;
  1. Mantenha o farol baixo – nunca o alto – e, se o carro tiver esses recursos, acione os faróis e a lanterna de neblina traseira. Jamais use o pisca-alerta com o carro em movimento.
  1. Caso ainda esteja claro, podem ser usados óculos apropriados (com lentes amarelas), ou mesmo escuros, que reduzem o excesso de luz branca refletido sobre os olhos;
  1. Para evitar o embaçamento dos vidros, ligue a ventilação ou o ar-condicionado, ou ainda mantenha as janelas abertas;
  1. Oriente-se pelas faixas e refletores de sinalização da pista;
  1. Abaixe o volume ou desligue o som, para ficar atento a sinais externos que possam indicar uma situação atípica à frente como buzinas, sirenes e som de colisão;
  1. Não trafegue pela mesma faixa de rolamento dos caminhões e ônibus;
  1. Evite fazer ultrapassagens e utilize a luz de direção (pisca-pisca) ao mudar de faixa;
  1. Se optar por parar, nunca pare na pista e evite o acostamento. Caso o trânsito seja interrompido sobre a faixa de rolamento, acione o pisca-alerta, abandone o veículo e procure um local seguro à margem da rodovia, atrás das barreiras de segurança.

Importante lembrar que tanto os faróis quanto as lanternas de neblina têm luzes muito fortes e só devem ser usados em condições de nevoeiro, pois em outras situações prejudicam perigosamente a visão dos motoristas que trafegam à frente, atrás ou no sentido contrário.

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário