Azimut Magellano 25 Metri, uma superprodução italiana sobre o mar

Iate de quase 83 pés traz no elenco o design avançado e tecnologias inovadoras de construção e de conforto, criando o cenário perfeito para roteiros inesquecíveis

Azimut Magellano 25 Metri, uma superprodução italiana sobre o mar

O estaleiro Azimut Yachts acaba de colocar em cartaz o Magellano 25 Metri, um iate “cinematográfico”, como se diz, com capacidade para 11 ocupantes e que reúne a elegância atemporal das suas linhas sofisticadas às mais avançadas tecnologias de construção e de conforto sustentável a bordo.

Exibido em primeira mão na 61ª edição do Annual Fort Lauderdale International Boat Show, realizado há poucos dias na Flórida, Estados Unidos, o barco traz recursos ainda nunca antes vistos sobre as águas, como a tecnologia de sanitização pemanente do ar interno, criado a partir de uma patente da Nasa (a agência espacial dos Estados Unidos), e o sistema de gestão de energia Hotel Mode, que permite longas paradas ancorado mantendo todos os sistemas de bordo em funcionamento, mas com zero de emissão de ruídos e de poluentes.

Azimut Magellano 25 Metri

O visual externo – que mescla referências de design retrô, como os detalhes em madeira e os diversos cromados, com as possibilidades estéticas dos novos materiais, onde se destacam as grandes janelas horizontais, por exemplo -, é assinado pelo arquiteto naval britânico Ken Freivokh, enquanto o interior luxuoso e requintado ficou a cargo do estúdio italiano De Cotiis Architects. O casco concebido a quatro mãos entre o arquiteto naval PierLuigi Ausonio e o próprio estaleiro Azimut é moldado em fibra de carbono, que combina a leveza com a resistência três vezes superior à do aço.

Com isso, essa opção de construção permite volumes e superfícies maiores em tamanho, mas sem alteração no peso se comparado aos materiais convencionais como a fibra de vidro, segundo os responsáveis pelo projeto.

Ainda assim, pela questão de redução de custos, boa parte das estruturas e divisões internas do barco mantém a utilização de fiberglass, porém numa composição mais avançada conhecida como GRP (Glass Reinforced Plastics), em que é adicionada como reforço ao material plástico de base.

Azimut Magellano 25 Metri

O Azimut Magellano 25 Metri mede exatos 25,22 metros de comprimento (ou 82,7 pés), 6,35 m de boca (largura) e tem distância máxima de imersão de 1,9 m em relação ao nível da água, com carga total e incluindo a hélice.

Chamado internamente de Dual Mode Hull (casco de modo duplo), o desenho da carena, que é a área submersa do barco, segue o conceito semideslocante, o que assegura navegação suave e confortável, sem batidas contra a água, mesmo em condições moderadas de mar, afirma o construtor italiano.

Azimut Magellano 25 Metri

Também segundo o estaleiro, o formato da longarina superior resulta numa larga superfície de contato com a água em baixas velocidades, assegurando excelente estabilidade dinâmica, com menos oscilações do barco.

Já em acelerações mais consistentes, o fluxo separado pela longarina inferior reduz o atrito do casco, o que se traduz em menor consumo de combustível e maior autonomia de cruzeiro, graças, também, aos materiais mais leves utilizados na construção.

Azimut Magellano 25 Metri

As acomodações para pernoite do Magellano 25 Metri têm capacidade para receber até oito passageiros, mais os três tripulantes, confortavelmente divididos nas quatro cabines para convidados e outras duas para o pessoal de serviço.

O elevado nível de conforto a bordo, comparável ao encontrado em barcos de tamanho muito maior, foi obtido, em boa parte, graças à ênfase do projeto em reduzir ruídos e vibrações ao mínimo possível, o que envolve desde os engates elásticos que conectam motores e inversores até as soluções acústicas para o piso, paredes e teto da suíte principal.

Azimut Magellano 25 Metri

O design inovador da área de popa inclui um painel retrátil que pode ser baixado para permitir parapeito transparente, transformando o espaço num formidável terraço com vista infinita para o mar. O mesmo painel traseiro pode ser desdobrado para servir de garagem para motos aquáticas ou como beach area, abrindo uma espaçosa plataforma de lazer ao nível da água.

Azimut Magellano 25 Metri

A cabine elevada para o piloto é acessada tanto pelo flybridge (a área externa mais elevada do barco) quanto pelo lobby interno, facilitando a movimentação da tripulação e, ao mesmo tempo, oferecendo a máxima privacidade para os convidados que desfrutam da parte traseira do pavimento superior.

Desenhado para assegurar ótima visibilidade, o cockpit (posto de comando principal) possui assento para co-piloto em forma de um pequeno divã e o painel de comando com duas telas digitais de última geração e visores de vidro.

Azimut Magellano 25 Metri

A Azimut Yaschts oferece duas opções de propulsão a diesel para o Magellano 25 Metri: a dupla de motores MAN de 12 cilindros em V, totalizando 2.800 cavalos de potência, ou a mesma configuração, porém com 3.100 cv combinados. Dependendo do peso a bordo e das condições do mar, a velocidade máxima fica entre 24 e 25 nós (ou 44,4 a 46,3 km/h), enquanto a de cruzeiro varia de 18 a 22 nós (33,3 a 40,7 km/h).

Com capacidade de deslocamento bruto total de 85,8 toneladas, o Magellano 25 Metri dispõe de reservatórios de combustível com capacidade para 8 mil litros, enquanto os de água doce comportam até 1.500 litros.

Azimut Magellano 25 Metri

Como mencionado no início da matéria, um dos diferenciais tecnológicos inéditos do Magellano 25 Metri é o Hotel Mode, ao qual a Azimut se refere como “a mais sofisticada e inovadora maneira de curtir o tempo a bordo durante as ancoragens, com zero emissão de poluentes e no mais pacífico silêncio que a natureza pode oferecer.”

Quando acionado, esse recurso disponibiliza a energia elétrica para alimentar os sistemas de bordo – iluminação, comunicação e entretenimento, entre outros – por meio de pacotes de bateria de íons de lítio específicos para essa função, substituindo os geradores a combustível, barulhentos e poluentes.

Azimut Magellano 25 Metri

A duração da carga de energia disponível depende do uso pessoal que é feito dela e das condições do tempo, mas é suficiente para até seis horas durante o dia e oito horas à noite, quando a demanda de eletricidade no barco é reduzida.

A gestão inteligente da energia é duplicada com a tecnologia Interceptor, que oferece o modo de condução Auto, atuando como um piloto automático preciso e suave. Sem a interferência do comandante, ela executa os ajustes das funções de movimentação do barco, garantindo a maior eficiência de combustível em qualquer velocidade e visão frontal otimizada. Fora isso, esse recurso facilita a manobrabilidade mesmo em águas agitadas e é livre de qualquer risco de corrosão ou vazamento de óleo, garante o fabricante.

Azimut Magellano 25 Metri

Outra inovação trazida pelo novo projeto do Azimut é o sistema BCool, desenvolvido a partir de uma tecnologia patenteada pela Nasa (a agência espacial estado-unidense), que garante a intensiva movimentação e sanitização do ar interno, bem como sua constante renovação.

Essa solução inédita não apenas elimina os microorganismos do poço de ventilação e dos ambientes interiores, como também ajusta a temperatura do ar e o nível de umidade para o máximo conforto nas cabines.

Azimut Magellano 25 Metri

O estaleiro Azimut Yachts – que possui uma unidade fabril instalada em Itajaí, SC -, afirma que o Magellano 25 Metri foi desenhado e construído respeitando os mais elevados padrões aplicados pela indústria de barcos de recreio, incluindo o CE Class E e a Certificação Nmma, que são as principais normativas de segurança para o segmento.

Azimut Magellano 25 Metri

A produção grandiosa dedicada ao barco se estendeu até à forma de apresentá-lo ao mundo, por meio de um curta-metragem Open your eyes (Abra seus olhos), dirigido pelo conceituado cineasta italiano Gabriele Muccino.

Rodado entre Roma e Veneza, o filme conta a história de um fotógrafo contratado para buscar a locação perfeita para um trabalho editorial, e acaba convencendo sua chefe – e paixão secreta -, para conhecer o mais belo dos cenários, a bordo do Magellano 25 Metri.

Azimut Magellano 25 Metri

O filme foi exibido pela primeira vez em setembro, durante a avant-première do barco realizada pela Azimut em Portofino, na Itália, e, pouco tempo depois, no Pérez Art Museum Miami, nos Estados Unidos, durante o lançamento do barco no Fort Lauderdale International Boat Show, em outubro.

Então, aproveite para sonhar de olhos abertos e embarque nesse roteiro de romance, luxo, beleza e sofisticação:

Fonte: Azimut Yachts I Tradução e edição: Fábio Ometto I Imagens: Divulgação