Nova BMW S 1000 RR já está nas lojas

Feita em Manaus, máquina alemã ganha ainda mais vocação para as pistas com motor de 210 cv e as inéditas “asas da velocidade”, para ajudar a mantê-la grudada ao chão




Nova BMW S 1000 RR já está nas lojas

A motocicleta mais potente produzida pela BMW Motorrad no Brasil, em sua moderna fábrica instalada em Manaus, está desembarcando nas concessionárias de todo o país. Lançada em março, a nova BMW S 1000 RR traz visual repaginado, três configurações de acabamento e ainda mais potência.

A superbike alemã é equipada com motor de quatro cilindros de 210 cv de potência a 13.750 rpm ( 3 cv mais potente que o modelo anterior) e 11,5 kgf.m de torque máximo a 11.000 rpm. A transmissão de seis marchas tem relação final por corrente.

BMW S 1000 RR 2023

Visualmente, a nova BMW S 1000 RR está mais esportiva do que nunca.O modelo apto a rodar pelas ruas e pistas estreia as “asas da velocidade”, adicionando difusores de ar na dianteira ajudam na aerodinâmica em circuitos e propiciam maior estabilidade em trechos sinuosos.

A linha 2023 da BMW S 1000 RR mantém os três níveis de equipamentos, Premium, Premium M e Premium M Carbon, e está disponível em três opções de cor externa – black storm metallic (preta metálica), racing red (vermelha) e motorsport (branca com as listras M) -, que realçam ainda mais as linhas agressivas do modelo.

A nova superesportiva também chega repleta de equipamentos de série, com preço básico de R$ 120.500, conforme a BMW Motorrad.

BMW S 1000 RR 2023

O M Chassi, está presente em todas as opções e permite uma configuração ainda mais refinada na balança e amortecedor traseiro, na busca pela performance extrema em pistas.

Na configuração de topo , a Premium M Carbon, os destaques são os componentes feitos de fibra de carbono (material que combina leveza com extrema resistência), entre eles, os paralamas, capa da corrente, capa do pinhão, carenagens, coberturas laterais e rodas.

BMW S 1000 RR 2023

Também de série em todas as configurações são a bateria de lítio e a corrente M Endurance, essa com revestimento de carbono tipo diamante – o que, segundo a BMW Motorrad, reduz as perdas por atrito e, consequentemente, também o desgaste –, beneficiando o desempenho da moto e a durabilidade de todos os componentes da transmissão.

Fonte: BMW Motorrad Brasil I Edição: Fábio Ometto I Imagens: Divulgação




Sobre Universo Motor 995 Artigos
Jornalista e editor de conteúdo