Range Rover 2022 encara qualquer parada com muito luxo, até a Covid-19

SUV premium ganha design minimalista, motores mais limpos de até 530 cv, maior tela multimídia da classe e sistema que promete inibir presença do coronavírus na cabine

Range Rover chega à quinta geração da dinastia

A britânica Land Rover acaba de revelar ao mundo a quinta geração do seu utilitário esportivo de topo, o Range Rover, modelo que há 50 anos é a joia da coroa em tecnologia e luxo no segmento. E, por isso, a carruagem motorizada predileta pela rainha Elizabeth II, do Reino Unido, que até quando seus mais de 90 anos de história permitiram, fazia questão de acelerar pessoalmente o exemplar integrado à frota de Vossa Alteza.

O visual do Range Rover 2022 mantém o tradicional formato quadradão, mas ressurge flagrantemente renovado. O design está mais fluido, eficiente e futurista, aliando superfícies totalmente planas e limpas, arestas polidamente arredondadas e atributos que atraem o olhar pelo estilo minimalista – radicado no conceito de “menos é mais” – , como as portas com maçanetas embutidas ou as novas lanternas traseiras verticais, por exemplo.

Range Rover 2022

A essa estética futurista o novo Range Rover incorpora um avançado conteúdo tecnológico, que torna o SUV premium ainda mais habilitado a vencer qualquer tipo de terreno, graças aos novos sistemas de suspensão e de direção, entre outros recursos sofisticados.

Ao mesmo tempo, os ocupantes são levados a um novo nível de comodidade e entretenimento com a central multimídia Pivi Pro, criada pela própria Land Rover, que inclui a maior tela sensível ao toque já instalada em um automóvel, no painel, e outro display tátil no banco de trás, para democratizar o acesso ao equipamento.

Atualizada para os novos tempos, a segurança a bordo passa a contar com sistema de purificação do ar interno da cabine que reduz drasticamente a circulação de microorganismos, incluindo o vírus causador da Covid-19, afirma a marca.

Range Rover 2022

O novo SUV inglês será oferecido com duas opções de entreeixos e nove possibilidades de motores da série Ingenium, também atualizada e que inclui a tecnologia Mhev (Mild Hybrid Electric Vehicle, ou Veículo Leve Híbrido Elétrico), com potências que variam de 249 a 530 cv.

Esta quinta geração do Range Rover recebeu a nova arquitetura modular flexível criada pela Land Rover, batizada de MLA-Flex. Sobre ela, foi aplicada a filosofia de design modernista da marca, caracterizada por linhas que expressam as origens do Range Rover ao longo dos anos.

Range Rover 2022

A frente foi aprimorada com o desenho da grade mais profundo e superfície com acabamento em cromo de cetim.

Segundo a fabricante, o desenho do farol de LED digital tem característica semelhante a uma joia, pois a luz reflete e refrata a iluminação diurna. Para contribuir com a aparência limpa e elegante do modelo, as luzes de neblina, radares dianteiros e sensores de estacionamento estão todos agrupados entre dois filetes horizontais que atravessam o parachoque dianteiro e trazem o mesmo fino acabamento da grade.

Range Rover 2022

A traseira é, talvez, a vista mais impressionante e moderna do novo Range Rover. Ela é definida por lanternas verticais conectadas por uma faixa transversal com acabamento gloss black (preto brilhante), onde se insere o nome da marca em letras com aparência metalizada. Outra seção horizontal abaixo do parachoque integra as demais luzes funcionais e define a largura do veículo. Este novo arranjo da iluminação traseira se tornará a assinatura do Range Rover, sendo adotada no futuros modelos da marca, daqui por diante.

A nova paleta de cores para o exterior eleva as proporções elegantes e superfícies limpas do novo SUV premium.

Testes extremos levaram o novo Range Rover a encarar desde o calor desértico de Dubai…

O Range Rover foi o primeiro utilitário esportivo de luxo a apresentar suspensão a ar eletrônica, em 1992, e o novo modelo continua essa abordagem pioneira, combinando a tecnologia Dynamic Response Pro e a suspensão preventiva, que si apoiam nos dados de navegação eHorizon para ler a estrada logo adiante e preparar o conjunto de amortecimento de maneira a fornecer respostas perfeitas.

Isso ficou comprovado nos testes de desenvolvimento do novo modelo em condições extremas e diametralmente opostas, que foram das areias do deserto de Dubai até as planícies congeladas da Suécia, além do clima mais temperado do campo de provas da Jaguar Land Rover em Gaydon, região central da Inglaterra, onde o modelo teve de encarar as mais radicais condições de uso sobre o asfalto e, especialmente, fora dele.

… passando pelo clima ameno do campo de provas na Inglaterra (mas não menos castigante)…

A tecnologia inteligente também funciona alinhada à função Adaptive Cruise Control (piloto automático adaptativo), com assistente de direção.

A suspensão independente garante um passeio tranquilo, luxuoso, e traz, pela primeira vez entre os modelos da Land Rover, o eixo traseiro de cinco braços, solução que isola a cabine de imperfeições superficiais de forma mais eficaz, graças, também, ao uso de molas de ar com desenho mais avançado.

… até o frio congelante das planícies da Suécia

O Range Rover 2022 virá impulsionado por uma nova safra de motores da série Ingenium, que vai oferecer nove especificações à escolha do cliente. Entre elas, três são puramente a combustão, de seis cilindros em linha, turbodiesel, com potências entre 249 e 350 cv e padrões de emissões Euro 4 e 5.

As outras seis, com opções a diesel e gasolina, incorporam o sistema de propulsão híbrido elétrico Mhev, o que eleva o padrão de todas elas para Euro 6, com escala de potência de 249 cv até os 530 cv da versão de topo, de oito cilindros em V, 4,4 litros de cilindrada e sobrealimentação feita por turbocharger, que é uma turbina acionada pelo virabrequim, proporcionando respostas mais imediatas, e não pelos gases do escape, como na maioria dos veículos turbinados. Em todas as configurações do novo Range Rover, a transmissão é automática de oito velocidades, com tração adaptativa nas quatro rodas.

Tecnologia Mhev (Mild Hybrid Electric Vehicle) da Land Rover

A tecnologia híbrida Mhev adiciona ao motor Ingenium, seja a gasolina ou diesel, um gerador elétrico que entrega potência extra ao trem de força, e que opera com tensão inferior a 60 V. Ele é combinado a um conjunto de baterias de íons de lítio de grande capacidade responsável por armazenar a energia que alimenta o motor elétrico. Em formato plano e posicionadas embaixo do assoalho da cabine, elas também ajudam a aproximar o centro de gravidade da carroceria em relação ao solo, o que, de forma geral, beneficia a estabilidade do veículo.

A recarga do grupo de baterias pode ser feita de duas maneiras: utilizando a conexão chamada genericamente de plug-in (tomada), na qual o veículo é “plugado” à rede elétrica residencial ou a estações específicas; ou, ainda, por meio da tecnologia híbrida Mhev, que reutiliza a energia cinética (movimento) que normalmente seria perdida ao desacelerar ou frear o veículo, recurso que segue o mesmo conceito utilizado pelos atuais carros de Fórmula 1.

Range Rover 2022

Os benefícios desta tecnologia são o nível de emissões de CO₂ mais baixo e maior economia de combustível, tornando este tipo de veículo, junto com os 100% elétricos, os ideais para trafegar nas cidades, especialmente no para e anda dos congestionamentos, já que nessas condições o carro roda consumindo predominantemente a eletricidade.

Em termos de desempenho, destaca a fabricante, o aumento de potência para o motor gera uma aceleração linear e dinâmica assim que o carro é colocado em movimento.

Range Rover 2022

O interior do novo Range Rover é altamente luxuoso, equipado com tecnologias modernas e intuitivas que transformam cada viagem em uma experiência única a ser desfrutada por todos os ocupantes, justifica a marca.

Seja qual for a medida da distância entreeixos (2.997 ou 3.197 mm), o espaço para todos a bordo é garantido. Também há ampla disponibilidade para acomodar bagagens, equipamentos esportivos ou até para levar o pet em seus passeios longe de casa, no porta-malas com volume de 818 litros (ou 725 l sob a cobertura), na versão curta.

Compartimento de serviço oferece 818 litros, espaço de sobra para bagagens, equipamentos ou o pet

As opções de interior são mais sustentáveis, oferecendo aos clientes um leque variado de materiais e acabamentos, incluindo têxteis inovadores como o Ultrafabrics, sintético e agradável ao toque, como uma nova opção mais leve e que gera apenas um quarto do CO² se comparado couro natural.

Range Rover 2022

A nova tecnologia avançada de alto-falantes instalada no veículo baseia-se no refinamento fornecido pela arquitetura MLA-Flex da carroceria.

O sistema de som Meridian Signature, com 1.600W de potência distribuídos por 35 alto-falantes em toda a cabine. A nova geração do Range Rover inclui, ainda, um par de alto-falantes de 60 mm de diâmetro nos encostos de cabeça dos quatro ocupantes principais.

Range Rover 2022

Ao mesmo tempo, o sistema de áudio também isola radicalmente interior contra os ruídos do veículo, por meio da tecnologia Active Noise Cancell, de terceira geração, que monitora vibrações nas rodas, chiado dos pneus e sons do motor transmitidos para a cabine e, a partir desses dados, gera um sinal de cancelamento sonoro, que é reproduzido por todos os alto-falantes, inclusive nos encostos de cabeça, criando zonas de silêncio pessoais.

Range Rover 2022

Outra novidade incorporada ao Range Rover 2022 é a mais recente versão da tecnologia telemática da Land Rover, chamada de Arquitetura de Veículos Elétricos (EVA 2.0), que inclui as atualizações autônomas de 70 módulos eletrônicos de bordo por meio do Software-Over-The-Air (Sota), o que significa que o novo Range Rover evoluirá constantemente, sempre que novos recursos sejam disponibilizados pela fabricante britânica.

Os ocupantes também contarão entradas para repor a energia de baterias de dispositivos eletrônicos e um nicho para recarga sem fio de smartphone.

Monitor tátil da central multimídia Pri Vi tem 13,1″ (33,2 cm), a maior da categoria

No entanto, o maior destaque do sistema de infoentretenimento desta quinta geração do Range Rover é a central multimídia Pivi Pro, criada pela Land Rover, que, entre outros atributos, oferece a maior tela tátil de todos os tempos, com 13,1 polegadas (33,2 cm).

Seu visor curvo e flutuante (destacado do painel) incorpora leveza arquitetônica à cabine, graças ao minimalismo do seu design, que elimina o excesso de botões e detalhes, oferecendo controle intuitivo das principais funções do veículo em comandos digitais inspirados nos smartphones, aliado a interruptores físicos apenas para o ar-condicionado.

Motorista dispõe de quadro de instrumentos com tela de quase 35 cm e informações no parabrisa

A Pivi Pro trabalha em conjunto com uma nova versão do quadro de instrumentos Interactive Driver Display (ou Mostrador Interativo para Motorista), que coloca atrás bem à frente do condutor uma tela de de 13,7” (34,8 cm), com novos gráficos de alta definição. Por meio de controles no volante, é possível selecionar entre várias opções de aparência da tela, incluindo uma que reproduz o formato analógico do velocímetro e do conta-giros. Outro recurso incorporado ao novo Range Rover é o Head Up Display (Visor Elevado), tecnologia que permite projetar as principais informações do veículo diretamente no parabrisa, inseridas de forma discreta no campo de visão do motorista.

Os clientes também poderão contar, pela primeira vez em um Land Rover, com a comodidade e a segurança da resposta tátil da tela central ao selecionar algum comando, passando a contar com a confirmação sensível emitida pelo equipamento, sem a necessidade de se desviar o olhar para o visor.

Primeira classe: ocupantes traseiros dispõem de espaço amplo e telas multimídias individuais…

Os passageiros da segunda fileira de assentos passam a desfrutar do novo sistema RSE (Rear Seat Entertainment, ou Entretenimento do Banco Traseiro), que oferece duas telas de 11,4 polegadas (29 cm), sensíveis ao toque, de alta definição, ajustáveis, montadas atrás dos encostos dianteiros. Eles podem ser utilizados de forma independente e podem ser conectados à maioria dos dispositivos eletrônicos com uma porta do tipo Hdmi.

E, para aumentar a sensação de uma viagem na primeira classe, o Controlador Tátil do Assento Traseiro oferece comandos rápidos e intuitivos para encontrar a posição perfeita do banco, por meio de uma tela de oito polegadas (20,3 cm) montada no apoio de braço central.

… enquanto a posição e aquecimento dos bancos são ajustados no display instalado no apoio central

Contudo, a inovação mais surpreendente embarcada no novo Range Rover não é visível. Trata-se do sistema Cabin Air Purification Pro, também criado pela Land Rover, que combina a tecnologia dual-nanoe X para redução de substâncias causadoras de alergias (alérgenos) e remoção de microorganismos causadores de doenças (patógenos). Segundo a marca, sua patente reduz de maneira significativa – e cientificamente comprovada – a presença de vírus e bactérias no ambiente, incluindo o Sars-CoV-2, ou coronavírus, causador da Covid-19.

A purificação é feita diretamente no ar da cabine, sem a necessidade de que as partículas passem por um filtro para serem contidas e neutralizadas; um segundo dispositivo nanoe X é dedicado aos passageiros de trás, otimizando a eficácia do sistema. Fora isso, a nova tecnologia elimina a presença de odores, enquanto o gerenciamento de CO² e a filtragem PM2.5 aumentam a qualidade do ar. 

Nova geração do SUV oferece duas opções de entreeixos, com 2.997 e 3.197 mm

A Land Rover planeja oferecer o novo SUV de luxo no Brasil no primeiro semestre de 2022. Inicialmente, será oferecida aqui a versão especial First Edition, baseada na luxuosa edição Autobiography mas com especificação única.

Entre os itens exclusivos que farão parte da lista do modelo estão a pintura SV Bespoke e acabamento Sunset Gold Satin, além de outras opções de cores externas.

Novo Range Rover deve desembarcar no Brasil no primeiro semestre do ano que vem

O consumidor brasileiro também poderá escolher entre duas opções de motorização, ambas com tecnologia Mhev: a D350 Ingenium, de seis cilindros em linha, turbodiesel, com potência de 350 cv, e a topo de linha P530 V-8, a gasolina, turbocharger, com 530 cv. Veja mais detalhes do Range Rover 2022:

Por enquanto, a marca preferiu não divulgar qual será a faixa de preços para o mercado brasileiro. No entanto, em seu site no Reino Unido, a tabela do novo Range Rover para o consumidor local tem preço básico de 94,4 mil libras esterlinas, ou cerca de R$ 700 mil.

Considerando-se, então, que as unidades a serem trazidas para cá terão configurações intermediária e de topo, mais os custos de importação, distribuição e impostos, é possível imaginar que será necessário desembolsar mais de um milhão de reais para ter o privilégio de rodar com o novo Range Rover pelas ruas e estradas brasileiras. Um preço, porém, à altura do luxo, sofisticação e exclusividade de sua nobre ascendência.

Fonte: Jaguar Land Rover do Brasil I Edição: Fábio Ometto I Imagens: Divulgação