Audi R8 2021 acelera para o Brasil a 330 km/h

Metade carro de rua, metade de corrida, superesportivo com motor V10 de 610 cv e tração nas quatro rodas desembarcará aqui no segundo semestre, por R$ 1,2 milhão

Audi R8 2021 acelera para o Brasil a 330 km/h

Enfim, uma ótima notícia! A Audi anunciou o início das vendas no mercado brasileiro do novo superesportivo R8, um dos automóveis mais desejados do mundo. O modelo, joia da coroa da marca alemã, chegará às concessionárias do país até o final do ano, com o preço único – e nada acessível – de R$ 1.234.990.

Lançado no início de 2019, o Audi R8 compartilha, desde então, perto de 50% dos componentes com a versão de pista R8 LMS GT3, o que faz dele o modelo de rua mais próximo de um carro de corrida a ostentar o emblema das quatro argolas.

Audi R8 2021

Entre as novidades, o roadster cupê traz soluções tecnológicas como o avançado sistema de iluminação a laser, a grade frontal chamada de Singleframe – com formato redesenhado e tela em colmeia -, e a suspensão mais precisa e ágil. Especificamente sobre o que interessa num superesportivo, o novo R8 também está mais potente e veloz, graças ao motor V10 de 5,2 litros, naturalmente aspirado (por mais incrível que pareça), capaz de despejar a potência brutal de 610 cavalos, compartilhada entre os dois eixos por meio transmissão automática de sete velocidades e da tração integral quattro.

Para quem se interessa em abrigar o novo R8 em sua garagem – ou na sala de estar, como uma escultura da engenharia moderna -, já possível reservar o modelo através de uma inédita campanha de venda direta.

A ação oferece aos primeiros clientes, confirmados até o dia 14 de maio, a possibilidade de configurar o próprio veículo antes mesmo que ele entre na linha de produção da fábrica dedicada ao R8, em Heilbron, na Alemanha.

Audi R8 2021

Esses clientes poderão personalizar até dez itens distintos, entre eles as cores da carroceria, dos side blades (ou “lâminas laterais”, como são chamados os defletores de ar, junto às portas), das capas dos retrovisores, do logotipo da Audi e das pinças de freio; o design das rodas de 20”; bem como as tonalidades e padrões do acabamento interno, como revestimentos do teto e dos bancos.

Segundo a fabricante, a linha 2021 do modelo oferece um nível de personalização sem igual, com quase 1,6 milhão de combinações possíveis.

Audi R8 2021

A estrutura do R8 segue o conceito ASF (Audi Space Frame, ou “estrutura espacial da Audi”) e compõe a base do conceito estritamente leve do Audi R8. Como resultado, a carroceria do cupê esportivo pesa apenas 200 kg.

Os componentes maiores feitos de fibra de carbono reforçado com plástico (Cfrp, na sigla em inglês) – tais como o painel traseiro, o túnel central, e os pilares “B” compostos de três peças – formam o esqueleto da célula dos ocupantes ultrarresistente e quase à prova de torções. 

A parte inferior da carroceria integra um longo difusor para aumentar o downforce, ou seja, a pressão do ar de cima para baixo que faz o carro gruda no asfalto e aumenta gradativamente em função da velocidade.

Audi R8 2021

Também o conjunto de suspensões, com braços móveis em formato de duplo “A”, e os novos pneus Pirelli P Zero 245/30 R20, de perfil radicalmente baixo, reforçam a proximidade do R8 em relação a um modelo de competição.

E graças ao novo ajuste do sistema de direção com assistência eletromecânica, o motorista/piloto pode experimentar respostas cada vez mais precisas e imediatas, em qualquer faixa de velocidade.

Audi R8 2021

O design do Audi R8 reflete o seu caráter poderoso e esportivo: frente alongada, traseira com linhas fluidas e entreeixos relativamente curto, com 2,65 m. De parachoque a outro, o cupê mede 4,42 m, com largura de 2,03 m, e apenas de 1,24 m de altura, compondo a aparência que transmite a sensação de leveza e dinamismo.

O longo capô ostenta próximo à extremidade dianteira o emblema das quatro argolas e, logo abaixo, revela as inéditas fendas ventilação horizontais inspiradas no Audi Sport quattro (clássico modelo de rali da marca). A grade do radiador com desenho Singleframe, com estrutura de elementos em forma de favo de mel, está mais larga e plana; o novo acabamento na cor preto brilhante eliminou a moldura cromada. Localizadas de cada lado do painel frontal, as grandes entradas de ar para refrigeração dos freios são divididas em duas secções por defletores verticais.

Audi R8 2021

Uma característica que, além de oferecer maior segurança, distingue visualmente o novo R8 é a iluminação dianteira a laser. Acionado o farol alto, seu facho é duas vezes mais eficiente do que o de LED (Diodo Emissor de Luz), ao mesmo tempo em que evita o ofuscamento da visão dos motoristas que seguem adiante ou no sentido contrário.

A tecnologia gera um feixe de laser azul com comprimento de onda de 450 nanômetros. Um conversor de fósforo transforma esse facho em luz branca, com temperatura de cor de 5.500 Kelvin – condições ideais para que o olho humano faça a distinção de contrastes com maior facilidade, o que também ajuda a evitar a fadiga. Fora isso, os fachos de alta concentração iluminam a distância de até 600 m, tornando mais segura a passagem por trechos de neblina ou de fumaça, por exemplo.

Típicas do R8, as luzes de condução diurnas (DLR) de LED, integradas aos faróis, incluem elementos verticais que replicam o desenho das entradas de ar inferiores, enfatizando a largura do carro e o conceito agressivamente futurista do design frontal.

Audi R8 2021

Nas laterais da carroceria há contornos característicos do modelo. A linha de cintura, esculpida como uma poderosa musculatura, conecta as caixas de rodas, ao mesmo tempo em que divide os side blades em duas partes. Segundo a Audi, essa nova solução de design faz o carro parecer mais longo e dinâmico.

Na traseira, as lanternas e as entradas de ar se conectam. O vidro traseiro oferece uma clara visão do compartimento do motor iluminado. O R8 traz ainda um aerofólio traseiro fixo, feito com o mesmo material compósito de fibra de carbono utilizado no chassi.

Audi R8 2021

Comercializado em versão única, o Audi R8 terá opções de cores especiais disponíveis na paleta Audi Exclusive. Além delas, o cliente pode escolher entre mais 19 alternativas, sendo nove foscas (com tonalidades de cinza, prata, branco, amarelo, vermelho, marrom e azul); duas perolizadas (vermelho e azul), cinco sólidas (cinza, laranja, azul e duas de verde); e outras três metálicas (marrom, bege e verde encomendadas com valor adicional.

Os side blades podem ser personalizados em cinco tipos diferentes de acabamento – carbono, preto, cinza, prata e titânio fosco. O conjunto de saias laterais, spoiler dianteiro e molduras do difusor do escapamento também podem receber entre três acabamentos diferentes: carbono, preto brilhante e titânio fosco. Já as capas dos retrovisores externos estão disponíveis em quatro opções: carbono, preto brilhante, titânio fosco ou na cor do veículo.

O visual externo é complementado pelo logotipo da Audi e as inscrições R8 e V10 com acabamento cromado ou preto. São oferecidas, ainda, seis opções diferentes para o desenho das rodas 20’’, e três cores diferentes para as pinças de freio, em vermelho, cinza ou azul.

Audi R8 2021

Ao assumir o volante do novo Audi R8, a sensação do motorista é de estar num carro de corridas. Todos os comandos e mostradores são voltados para ele, com operações simples e sem tirar as mãos do volante, mesmo em condições extremas.

O botão start-stop e o seletor do Audi drive select ficam localizados no volante multifuncional. Há ainda um botão para controlar o sistema de escape, deixando o esportivo com um ronco ainda mais poderoso, e um seletor que ajusta o veículo para diferentes condições de condução: seco, molhado ou neve.

Audi R8 2021

O Audi virtual cockpit apresenta todas as informações em sua tela de 12,3 polegadas, com gráficos elaborados. O motorista pode alternar entre diferentes modos de exibição e ainda ajustar o painel de instrumentos digitais de acordo com suas preferências. No modo Performance, o condutor visualiza as informações dos programas de direção, aceleração, desaceleração e forças laterais, bem como de potência e de torque.

O R8 possui ainda as mais recentes tecnologias em termos de infoentretenimento, com MMI touch (sigla de Multimídia Interface, com comandos na tela sensível ao toque), Audi smartphone interface, para conexão à internet por meio do celuar, e sistema de som Bang & Olufsen, como equipamentos de série.

Audi R8 2021

Por dentro do habitáculo, alguns elementos de acabamento como as soleiras, molduras e console central, estão disponíveis em cinza antracite, carbono fosco ou carbono brilhante. Para o revestimento interno do teto em Alcantara (tipo de couro sintético com superfície acamurçada) é possível escolher entre o acabamento com costura em diamante ou lisa.

Os assentos esportivos, com apoio de cabeça integrado e excelente suporte lateral, contam com 18 possibilidades de personalização, se considerados os dois tipos de costura acima e suas diferentes tonalidades.

Audi R8 2021

Com seu caráter de alto desempenho, o motor 5.2 FSI (Fuel Stratified Injection, ou, em português, Injeção Estratificada de Combustível), naturalmente aspirado, transmite ao motorista a real experiência dos genes de competição do novo Audi R8.

Ele responde quase instantaneamente e alcança de modo rápido o regime máximo de 8.700 rpm; no limite máximo de velocidade do motor, revela a Audi, os pistões cobrem a distância de 26,9 metros por segundo. Acelerando fundo, o V10 emite um som verdadeiramente único, como um rugido.

Audi V10 5.2 FSI

O desempenho e o torque do Audi R8 foram aperfeiçoados na versão atual. A alimentação de combustível é fornecida por meio de um sistema duplo: em regime de baixas rotações, apenas a injeção nos coletores de admissão é acionada; em médias rotações, a alimentação no coletor e a injeção direta FSI dividem o trabalho em partes iguais; e já em regimes elevados de operação, o sistema FSI assume 85% do trabalho.

Combinando tudo isso, o motor de dez cilindros em V a 90º, com 5.204 cm³ de cilindrada, instalado em posição central-traseira, gera a potência de 610 cv a 7.900 rpm, e o torque máximo de 57,1 kgf.m a 6.500 rpm. Acoplado a ele, a transmissão S tronic de sete velocidades conta com renovado sistema de tração quatro, exclusivo da Audi, que distribui o torque e a potência conforme a necessidade.

Audi R8 2021

A entrega de torque se adapta às condições de direção – em casos extremos, 100% dessa força pode ser transmitida para o eixo dianteiro ou traseiro. O modo Performance no sistema Audi drive select permite a adaptação dos parâmetros mais importantes na dinâmica para diversas condições de clima e solo, destaca a fabricante.

Tudo isso combinado com o peso total de 1.595 kg do modelo – o que resulta na relação de peso-potência de 2,6 kg – assegura ao novo Audi R8 o desempenho que não deixa dúvida sobre o seu DNA de corrida: aceleração de zero a 100 km/h em apenas 3,2 segundos, e a velocidade máxima de 330 km/h.

Fonte: Audi do Brasil e global I Edição: Fábio Ometto I Imagens: Divulgação