Recorde: quando o Volkswagen Gol rodou 25 mil km sem parar

Foram mais de oito mil voltas ininterruptas pelo circuito externo de Interlagos em nove dias, até que o modelo assinalasse o marco mundial para a indústria brasileira

Recorde: quando o VW Gol superou os 25 mil km sem parar

Há exatos 17 anos, o Volkswagen Gol registrava um marco histórico para a indústria automotiva do Brasil. A proposta lançada pela marca alemã no Salão do Automóvel de 2002 remetia aos feitos automobilísticos dos anos 1960 e tinha como objetivo promover o seu campeão de vendas, em uma grande jogada de marketing: quebrar o recorde mundial de Endurance (ou resistência) na categoria.

Foram meses de preparação até que a conquista fosse alcançada, com a supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo, (CBA), filiada à Federação Internacional do Automóvel (FIA). E, às 12h23 do dia 15 de janeiro de 2003, o Gol estabelecia o recorde de 25 mil km rodados ininterruptamente.

Publicidade do Endurance VW 2003

O local para a prova, batizada de Endurance VW 2003, foi o circuito externo do Autódromo de Interlagos, em São Paulo, com 3.108 metros de extensão.

Vale lembrar que, alguns anos antes, esse mesmo traçado foi cogitado pelo piloto Emerson Fittipaldi para receber uma etapa da Fórmula Indy. Portanto, desafio de pé embaixo para o Gol!

Únicas alterações nos veículos foram as instalações de faróis auxiliares e barras de proteção

Três unidades do Gol Power 1.6 foram escolhidas na linha de produção para o desafio. As únicas alterações realizadas foram a instalação de proteção no habitáculo dos veículos (“gaiola” de proteção) e de faróis auxiliares de longo alcance.

Foram nove dias de rodagem ininterrupta, ao longo dos quais os carros só pararam para abastecimento, trocas de pneus e de pastilhas de freios, e cumprir os períodos de revisão.

Ao todo, 15 pilotos se revezaram ao volante dos três VW Gol

A equipe responsável pelo marco ainda inigualado dentro da indústria automobilística nacional foi composta por 120 pessoas, entre técnicos, pilotos, fiscais e organizadores.

Foram selecionados 15 pilotos, que guiaram em turnos de cerca de 1h30, cada. Já os carros rodavam 24 horas, e sempre no limite.

Recorde foi supervisionado pela CBA, representada pelo diretor de provas Carlos Montagner

O primeiro Gol chegou aos nove mil km às 22h30 do dia 9 de janeiro. O segundo, que largou dia 10, estabeleceu a marca de 10 mil km às 17h04 do dia 13 de janeiro, após 3.218 voltas.

E, enfim, após mais de oito mil voltas no circuito, o terceiro Gol chegava à marca de 25 mil km rodados em Interlagos.

Veículos rodaram dia e noite, com pista seca ou molhada

Mantido desde então como um troféu pela montadora brasileira, inclusive com os adesivos originais do evento, o incansável modelo atualmente está preservado dentro da Garagem VW, na fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo, SP, a mesma onde foi produzido.

Fonte: Volkswagen Brasil I Imagens: Divulgação