Embraer entrega primeiro jato E195 E2 para a Azul

Novo modelo é o maior da família de aeronaves comerciais da fabricante brasileira, com capacidade para até 146 assentos e menor consumo de combustível

Embraer entrega primeiro jato E195 E2 para a Azul [Reprodução I Youtube]

A Embraer promoveu hoje, em sua sede em São José dos Campos, SP, a entrega da primeira unidade do E195-E2, o maior dos três modelos da família E-Jets E2 de jatos comerciais. A aeronave foi repassada para a AerCap, empresa líder em arrendamento de aeronaves do mundo, e será operada pela Azul Linhas Aéreas.

Operadora de lançamento global do E195-E2, a Azul encomendou 51 aviões do mesmo modelo e receberá outras cinco unidades ainda em 2019. As aeronaves serão configuradas em classe única, com 136 assentos, e serão empregadas em várias rotas domésticas e internacionais. O avião entregue hoje fará a rota entre Campinas, SP, e Brasília.

O E195-E2 apresenta novos motores  Pratt & Whitney PW1900G  de alto desempenho, asas completamente novas, fly-by-wire completo e um novo trem de pouso. Em comparação com a primeira geração do E195, 75% dos sistemas da aeronave são novos.

ad

O E195-E2 tem três fileiras adicionais de assentos. A cabine pode ser configurada com 120 assentos em duas classes ou até 146 em classe única.

Segundo a Embraer, os testes em voos confirmaram que o novo modelo é ainda melhor do que a especificação original. O consumo de combustível é 1,4% menor do que o esperado, chegando a 25,4% de economia por assento comparado com o E195 da primeira geração, detalha a fabricante. Já os custos de manutenção, ainda segundo a empresa, são 20% menores e o E195-E2 é a aeronave mais ambientalmente amigável da categoria, operando com o menor nível de emissões e de ruído externo.

Embraer E195-E2 [Divulgação]

Outra vantagem do E195-E2 são os intervalos de manutenção mais longos no mercado de aeronaves com corredor único, com 10 mil horas de voo para atividades básicas de manutenção, sem limite de calendário para operações típicas do E-Jet.

A duas empresas também assinaram um contrato de longo prazo de suporte de manutenção para toda a frota da Azul de jatos Embraer.

Fonte: Embraer