Ford GT ganha edição limitada Carbon Series

Voltado ao uso dentro e fora das pistas, bólido traz peças aparentes de fibra de carbono, mais leves, para compensar a adição do ar-condicionado, rádio e multimídia

Ford GT ganha edição limitada Carbon Series [Divulgação]

O Ford GT terá uma nova edição limitada, a Carbon Series, com peças de fibra de carbono aparente e visual exclusivo.

A proposta do carro é voltada para pilotos amadores que poderão usá-lo tanto para correr nas pistas como para dirigir de volta para casa, combinando elementos dos modelos de competição e de rua do superesportivo.

Ford GT ganha edição limitada Carbon Series [Divulgação]
Diferentemente do modelo de competição, o Ford GT Carbon Series é equipado com ar-condicionado, rádio e multimídia SYNC 3, mas também abre mão de alguns itens, como porta-copos e porta-objetos para manter o peso sob controle.

Nesta configuração, o Ford GT é cerca de 18 kg mais leve que na configuração original, graças a inovações como rodas de fibra de carbono, escapamento e parafusos de titânio e tampa traseira de policarbonato com ventilação adicional.

Ford GT Carbon Series 2019 [Divulgação]
Visualmente, a nova série se destaca pelos itens de fibra de carbono aparente nas duas faixas centrais, nos pilares A (colunas do para-brisa), nos painéis inferiores e rodas. As capas dos retrovisores, a faixa central e as pinças de freio podem vir em quatro cores contrastantes – prata, laranja, vermelho ou azul –, à escolha do cliente.

Na cabine, o Ford GT Carbon Series exibe fibra de carbono nas soleiras, comandos de ar e console central. Ele também tem bancos de padrão exclusivo, com costura prateada que é repetida no volante, além de aletas de câmbio anodizadas (shift pads) e um distintivo exclusivo no painel.

Ford GT Carbon Series 2019 [Divulgação]
O Ford GT é equipado com o motor V6 EcoBoost, de 3.5 litros (3.497 cm³), biturbo, que despeja a potência de 656 cv a 6.250 rpm, e torque máximo de 76 kgfm a 5.900 rpm. A transmissão é automática de 7 velocidades, com dupla embreagem e modo para trocas manuais por meio das aletas atrás do volante.

Pesando apenas 1.367 kg, o Ford GT Carbon Series tem relação de peso/potência de apenas 2,08 kg/cv. O superesportivo da Ford acelera de zero a 100 km/h em apenas 3,2 segundos e atinge a velocidade máxima – e alucinante – de 347 km/h.

O Ford GT foi lançado com uma produção de 1.000 unidades durante dois anos e recebeu mais de 6.500 inscrições. Para atender essa grande procura a Ford ampliou a produção para quatro anos, com mais 1.000 unidades. Este ano, foi anunciado um lote adicional de 350 unidades até 2022, com a opção da versão Carbon Series.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário