TAG Heuer Monaco Gulf Edição Especial: 50 anos de um clássico de pulso

Apresentado este mês no Salão de Genebra, TAG Heuer Monaco Gulf Edição Especial tem preço de US$ 5.900

Perto de completar meio século desde o seu lançamento, o TAG Heuer Monaco Calibre 11 – obra-prima dos relógios inspirados no universo das corridas, com suas inconfundíveis faixas nas cores azul e laranja da Gulf Racing -, acaba de ser homenageado com uma série comemorativa, apresentada este mês no Salão de Genebra, na Suíça.

Modelo comemorativo do TAG Heuer Monaco marca os 50 anos da parceria entre a marca suíça e a Gulf Racing

Inspirando-se nas origens do modelo, o TAG Heuer Monaco Gulf Calibre 11 Edição Especial celebra a rica herança da marca de relojoaria com o automobilismo. Lançado originalmente em 1969, em uma parceria histórica entre a TAG Heuer e a Gulf Oil – tradicional patrocinadora e parceira de equipes de competições – o TAG Heuer Monaco Gulf foi genuinamente revolucionário em termos técnicos e estéticos. Equipado com o movimento automático TAG Heuer Calibre 11, foi o primeiro cronógrafo (como prefere a fabricante) automatizado do mundo, ao mesmo tempo em que a caixa  com formato quadrado e resistente à água (até 100 m de profundidade) mudou a imagem da indústria da relojoaria.

Na pele de um piloto de corridas, Steve McQueen tornou o TAG Heuer Monaco um cult entre os cronógrafos

Poucos meses depois, o modelo já se tornou um clássico cultuado em todo o mundo até os dias de hoje, graças ao filme “As 24 Horas de Le Mans”, que chegou às telas em 1971, no qual Steve McQueen pilotou (sem dublê) o também mitológico Porsche 917 azul e laranja da Gulf Racing, exibindo no pulso um TAG Heuer Monaco 1133B Calibre 11.

Versão atualizada traz caixa de aço de 39 mm de diâmetro, cristal de safira e mostrador com efeito raio de sol

Revisitado nesta edição especial, o mostrador mantém a clássica combinação do fundo azul escuro com as faixas das cores da Gulf Racing, agora mais largas do que na versão original. A pulseira em couro azul marinho com costura laranja completa o visual de corrida do cronógrafo. E, aqui, cabe a única crítica ao modelo: na versão atualizada, a fabricante poderia ter substituído o material de origem animal (bezerros) por outro mais moderno e sintético.

Monaco Gulf Edição Especial mantém o movimento Calibre 11 automático, com 28.800 vibrações por hora

Segundo a marca suíça, na Europa o TAG Heuer Monaco Gulf Calibre 11 Edição Especial tem preço sugerido de 5.900 dólares – ou R$ 19.175, na cotação do dia. No Brasil, o modelo é encontrado nos representantes autorizados,  localizados por meio do site oficial da fabricante.

Fotos: Divulgação l TAG Heuer

Veja mais detalhes do TAG Heuer Monaco Gulf Calibre 11 Edição Especial no vídeo:

 

FICHA TÉCNICA

Mostrador

Fundo azul escovado e com efeito raio de sol

Flange azul com escala de 60 segundos/minuto

2 contadores

Índices aplicados, facetados, polidos e banhados a ródio com superluminova® branca

Ponteiros de horas e minutos vermelhos, facetados, polidos e banhados a ródio com superluminova® branca

Ponteiro central em laca vermelha

CAIXA

39 mm de diâmetro

Caixa em aço com acabamento alternado

Bezel fixo em aço com acabamento alternado

Cristal de safira chanfrado e curvo

Resistência à água: 100 metros

MOVIMENTO

TAG Heuer Calibre 11, fabricado na Suíça

Calibre automático, correção de data rápida

Diâmetro: 30 mm (13”’) — 59 rubis

Frequência de balanço: 28.800 vibrações por hora (4 Hz)

Reserva de marcha: cerca de 40 horas

PULSEIRA

Pulseira em couro de bezerro azul; forro laranja em couro alsavel

Fecho dobrável em aço polido com botões duplos de segurança

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário